Passar mais tempo em casa ou viajar? Descubra a sua motivação

Viver a aposentadoria como uma novidade, uma fase cheia de possibilidades, é sem dúvida a melhor forma de enxergá-la.

Para encontrar realização plena no novo ciclo, é necessário trabalhar o autoconhecimento ao longo do tempo que estiver na ativa. Descobrir quais são seus hobbies, metas e ter projetos bem definidos tornarão esse período ainda mais prazeroso.

“É através do autoconhecimento que o profissional que ainda está na ativa fará um levantamento de toda sua carreira, das suas realizações, das suas habilidades e competências, bem como conseguirá enxergar de maneira mais clara seus anseios futuros. O processo de autoconhecimento oferecerá a esse profissional uma visão de tudo aquilo que ainda deseja fazer na vida”, explica o presidente do Instituto Brasileiro de Coaching, José Roberto Marques.

Para evitar que ao chegar nessa fase a falta de planejamento gere incertezas e ansiedade, trabalhe ao longo da vida adulta todas as possibilidades que seus hobbies e conhecimentos podem proporcionar. “É preciso desvincular da aposentadoria a ideia de que será ociosa e improdutiva”, comenta José Roberto.

Primeiros passos

Os primeiros meses dessa fase serão dedicados a atividades que foram adiadas durante as últimas décadas por falta de tempo. Após um período, quando essas atividades se tornarem rotineiras, é natural que surja um incômodo. É nesse momento que o autoconhecimento será essencial.

A autorreflexão ajudará a passar por essa fase de transição de maneira mais leve.

Curtir a família ou explorar o mundo?

O tempo em que aposentadoria era sinônimo exclusivamente de ócio e estava associada a velhinhos que passam o dia em casa com seus bordados e o jogo de xadrez já passou. Com os avanços da medicina e o aumento da expectativa de vida, os aposentados continuam ativos e cheios de vitalidade. Graças a esses fatores é comum que nessa fase muitos se dediquem a explorar o mundo, com seus companheiros ou em grupos de viagens.

Viver esse momento de um jeito aventureiro será uma realidade para os que sempre sentiram prazer em viajar. Os mais caseiros podem curtir a aposentadoria sem precisar sair de sua cidade.

Estar mais disponível para atividades com a família e os amigos, fazer reparos e cuidar com mais atenção de casa – ambiente em que irá passar boa parte dos seus dias – são atitudes que irão preencher seu tempo e valorizar ainda mais as pessoas que estão ao seu redor. Separamos outras dicas para viver bem a aposentadoria no conforto do lar. Confira:

Estimule a mente

Para manter o cérebro ativo é importante estimulá-lo, desafiar-se a iniciar novas tarefas e desenvolver novas habilidades. Música, curso de línguas e projetos sociais são ótimas opções.

Pratique atividades físicas

Realizar as tarefas do dia a dia já mantém o corpo ativo, porém, é interessante iniciar algum exercício que tenha regularidade e frequências definidas. Assim, fortalecerá os músculos e trabalhará a flexibilidade.

Saúde Financeira

Depois de ter poupado por todo o período que esteve na ativa, é natural que queira usufruir da sua previdência complementar e reservas financeiras, porém, lembre-se que imprevistos acontecem. Para que todos seus sonhos saiam do papel, é necessário ter conhecimento sobre seus investimentos e o controle financeiro. Estude sobre plano de previdência, investimentos e finanças. Faça seu dinheiro render ainda mais.